melhor cafeteira francesa

Melhor Prensa Francesa: 6 Melhores Modelos do Mercado

Se você procura um método de extração de café sem energia elétrica ou cápsulas, que fará do ritual do café algo extremamente interessante, então, porque não adquirir uma prensa francesa?

Também chamada de cafeteira francesa, é um dos modos de preparação favoritos de aficionados por café.

A prensa francesa é um dos modos mais elegantes de se preparar café. É o modo mais simples e é completamente manual.

Funcionando com um filtro no êmbolo, só precisa de água em ponto de fervura. Uma bela vantagem também é podem ser usadas para todo tipo de infusão, como chás e ervas.

Nesse post, separamos 5 modelos dentre as melhores prensas francesas para te ajudar a escolher o tipo ideal.

Confira abaixo nossa análise e também quais são os principais critérios de escolhas.

IMAGEM PRODUTO

French Press Precioza Bialetti
  • Marca ligada a cafeteira
  • Bom Custo Benefício
Verificar Preço →

French Press Smart Bialetti
  • Mais capacidade
  • Base antiderrapante
Verificar Preço →

Blend Mondo Maxwell & Williams
  • Design interessante
  • Recepiente de 1L
Verificar Preço →

Parede Dupla HARIO
  • Parede dupla de vidro
  • Design único e diferenciado
Verificar Preço →

ZWILLING SORRENTO
  • Design discreto
  • Peças feitas na Alemanha
Verificar Preço →

 

Qual é a Melhor Prensa?

Aqueles modelos que você viu são as melhores cafeteiras francesas do mercado de até então!

Existem ainda diversos outros modelos de prensas francesas. Muitas pessoas optam por utilizar modelos genéricos, mas isso não quer dizer que não existem linhas de produtos com mais qualidade e valor agregado.

De fato, as melhores cafeteiras francesas são aquelas que feitas em vidro mais resistente, que deve ser resistente ao calor.

Além disso, também são importantes peças em aço inox, sistemas mais eficientes para separadas o líquido do pó e, claro, design mais distintos e elegantes.

Então, separamos apenas cafeteiras top de linha! Vamos mostrar alguns excelentes modelos para você escolher aquele que mais combina com você e com sua cozinha!

Agora, você vai ter uma análise individual de cada uma das das melhores cafeteiras francesas do mercado, mostrando um pouco mais das opções.

Leia atentamente a review de cada cafeteira e escolha a melhor para você ter o melhor café feito na hora!

French Press Precioza Bialetti

1. Cafeteira French Press Precioza Bialetti

Prós
  • Marca ligada à cafeteira
  • Corpo de aço inox
  • Permite até 350 mL
  • Bom custo-benefício
Contras
  • Não é um modelo grande
  • Preço intermediário

A Bialetti é um dos fabricantes de cafeteiras mais ligados ao mundo do café e uma das melhores opções.

Ela é muito conhecida por fazer as melhores cafeteiras italianas (aquele modelo chamado também de moka). Sua logo, com um personagem ilustrado, é inconfundível.

A qualidade da Bialetti é conhecida de todos os entusiasta de café e também por quem gosta de ter materiais de alta qualidade a sua disposição.

Já a French Press Preziosa da Bialetti já conquistou o público, sendo uma das mais populares da marca. Trata-se de uma prensa de alta qualidade e muita elegância!

As cafeteiras francesas French Press Preziosa da Bialetti possuem corpo em aço inox e vidro borossilicato. O nome parece complicado, mas o borossilicato é mais comum do que você pensa.

Basicamente, é um vidro enriquecido muito resistente a choques térmicos e a agentes químicos.

Ou seja, a Bialetti pode ser usada para infundir chás e passar o café sem risco de riscar ou quebrar. Além disso, o material não degrada com o calor (afinal, as peças em aço aço inox) e acaba sendo mais saudável.

O vidro borossilicato, resistente a altas temperaturas, é o mesmo material usado em vidrarias de laboratório. É um vidro produzido para resistir a choque térmico.

Aliás, adquirir um produto de uma marca conhecida como a Bialetti e as demais que vamos mostrar nesse post, é uma garantia que você está recebendo um material de alta qualidade, mais resistente e até mesmo mais saudável.

A Bialetti é compacta, podendo produzir até 350 mL da bebida, suficiente para o café da manhã de uma família inteira. Dessa lista, contudo, é a menor.

Não é a mais cara, mas é bastante funcional e tem bom custo-benefício. Seu punho de silicone é ergonômico e também é resistente ao calor. Então, garante muito conforto e uma ótima usabilidade.

2. Cafeteira French Press Smart Bialetti

Prós
  • Recipiente que permite até 1 L
  • Base antiderrapante
  • Peças de aço inox e vidro borossilicato
Contras
  • Preço intermediário

Além da cafeteira francesa Preziosa da Bialetti, outras cafeteiras da marca se destacam bastante. É o caso da French Press Smart.

Como o nome já diz, ela possui recursos mais avançados, saindo por um preço um pouco mais elevado.

De todo modo, é uma cafeteira francesa perfeito para quem é exigente com qualidade e quem gosta de itens um pouco mais refinados.

A French Press conta com um design diferenciado, devido à disponibilidade de cores alternativas. Com cor vermelha ou preta, tem o poder de agradar diferentes consumidores.

As peças exteriores podem não ser de aço inox, mas peças interiores (o êmbolo e o filtro), são do material.

O recipiente da French Press é maior, permitindo até 1 Litro de um bom café. Ou seja, quase o triplo da prensa anterior (que tinha 350 mL).

É capaz de preparar café, de uma só vez, para um grupo grande de visitas e amigos.

O maior diferencial das cafeteiras francesas French Press Smart é a segurança contra quedas e derrapagens. A French Press Smart possui uma base antiderrapante em ABS, sendo mais segura. Na hora de fazer o café, esse recurso é útil.

Fora isso (e sua maior elegância), essa cafeteira francesa conta com uma jarra de vidro em borossilicato e empunhadura de silicone, todos resistentes ao calor.

Como mencionei acima, ela sai um pouco mais cara que o modelo acima. Ainda assim, olhando para a oferta de prensa francesa como um todo, seu preço é considerado intermediário.

Blend Mondo Maxwell e Williams

3. Blend Mondo Cafeteira Francesa 1 L Maxwell & Williams Multicor

Prós
  • Recipiente de 1 Litro
  • Design interessante e simples
  • Peças em aço inox e vidro borossilicato
Contras
  • Preço mais ameno do que modelos anteriores, mas ainda mais elevado que outros modelos

A Maxwell & Williams é uma marca australiana de artigos de cozinha com muito charme e design muito atrativos.

O seu modelo de prensa francesa mais popular é a Blend Mondo, que se destaca pela simplicidade do desenho.

Essas cafeteiras francesas comportam até 1 litro de café, cerca de 8 xícaras e suficientes para um grupos maior.

Seu design é simples, mas interessante. Seu corpo também é em vidro de borossilicato, resistente ao calor e a choques térmicos.

Seu preço é mais ameno que os melhores modelos anteriores, então é uma opção bastante interessante se você está buscando algo mais modesto e não liga muito para recursos mais avançados.

Pode ser levada ao lava louças, mas não ao microondas.

Prensa Francesa Parede Dupla HARIO

4. Prensa Francesa Parede Dupla HARIO

Prós
  • Marca HARIO
  • Design exclusivo e diferenciado
  • Parede dupla na jarra de vidro
  • Partes em aço inox
Contras
  • Recipiente para apenas 400 mL
  • Preço bastante elevado

Assim como a Bialetti, a HARIO é extremamente conhecida no mercado de café. É uma das favoritas em termos de equipamentos para o preparo do café.

Com 100 anos de história, a empresa começou por criar um dos primeiros materiais de vidro duplo resistente ao calor e não perdeu essa liderança até hoje!

A cafeteira francesa da HARIO tem como principais atrativos seu design único e a parede dupla de vidro. Com esse recurso de vidro duplo, mais raro no mercado da cafeteira francesa, é possível conservar o calor da bebida por muito mais tempo.

Além do mais, conserva o calor no interior da cafeteira francesa e não passa para o vidro externo. Assim, não há risco de encostar no vidro quente e derrubar a prensa e derramar o café.

Por outro lado, esse não é grande, pois permite apenas 400 mL de bebida (é só uma xícara maior do que aquela cafeteira de 350 mL). A prensa não produz tanto volume de café apesar do espaço que ocupa.

Outra desvantagem é seu preço, bem mais elevado que outras opções dentre as melhores cafeteiras francesas.

Pode ser melhor lavá-la a mão pelo seu formato, do que no lava-louças.

5. Prensa Francesa ZWILLING SORRENTO

Prós
  • Design minimalista italiano
  • Peças feitas na Alemanha em vidro duplo em borossilicato e peças em aço inox
  • Recipiente intermediário
Contras
  • Preço mais elevado

Embora com preço mais elevado que os modelos da Bialetti, ainda é mais em conta que o modelo da HARIO.

Além disso, a cafeteira francesa ZWILLING SORRENTO tem parede dupla (mas com um espaçamento menor do que o da HARIO) e conta com um design minimalista muito moderno.

O espaçamento menor da jarra de vidro duplo da cafeteira francesa Zwilling Sorrento corrige a desvantagem da cafeteira da HARIO: ela protege o usuário de se queimar, mas mantém o produto quase do mesmo tamanho.

Assim, a cafeteria ocupa apenas o espaço que ela precisa para preparar o café. Ao fazer o café com a cafeteira Zwilling Sorrente, notará uma vantagem na conservação da temperatura da bebida por mais tempo.

O desenho dessa cafeteira francesa é de Matteo Thun e Antonio Rodriguez, muito conceituados no mercado mundial.

Portanto, além de um produto de qualidade, escolher essa prensa francesa garante que você levará para casa um modelo distinto!

Embora o desenho seja italiano, o filtro e demais partes foram projetadas na Alemanha. Ou seja, tem design italiano e engenharia alemã.

Essas características falam por si só sobre a qualidade da cafeteira francesa Zwilling Sorrento.

Suas peças internas (êmbolo e filtragem) são de aço inox, assim como o tampo superior.

Além disso, nesse modelo cabem 798 mL de um bom café, uma quantidade intermediária entre os tipos s de 350 mL e de 1 litro.

O vidro duplo é em borossilicato. Pode ir ao lava-louças e, removendo as partes de metal, pode ir até mesmo ao microondas.

6. Prensa Francesa Bodum Brazil 10938 Preta 1 Litro

Prós
  • Muito elegante, com detalhes em silicone
  • Capacidade de 1 litro
  • Base antiderrapante
Contras
  • Alguns usuários mencionam que o vidro da fabricante é menos resistente

Por último, na nossa lista, temos cafeteira da Bodum Columbia.

Com um design mais singelo e focado nos detalhes de silicone, ela pode ser uma boa opção para quem quer algo mais moderno.

A Bodum tem um visual interessante, mas seguindo a estrutura clássica. Jarra de vidro de 1 litro, resistente ao calor e peças de aço inox. A jarra de vidro possui gradação, o que pode ser útil.

O preço da Bodum é mediano, sendo uma boa opção. Por fim, possui base antiderrapante, oferecendo mais segurança na hora do preparo.

História Da Prensa Francesa

A prensa francesa é um dispositivo usado para extração de café há vários e vários anos.

De acordo com um artigo do New York Times, a cafeteira francesa embora tenha sido bastante divulgada pelos italianos, pode ter surgido na França anos antes, de onde tirou seu nome.

Vamos saber mais dessa história: em 1852, um ferreiro francês criou um dispositivo cilíndrico de vidro com um pistão, o qual era abaixado e o café era extraído na porção superior. Foi o primeiro esboço de uma cafeteira francesa. Nesse tempo, não era usado ainda nem o vidro borossilicato ou aço inoxidável.

Porém, em 1929, o modelo parecido com o que temos hoje foi patenteado pelo italiano Attilo Calimani, mas a versão mais famosa e que fez a prensa francesa ser conhecida no mundo todo foi patenteada por Faliero Bondani em 1958. Esse foi o modelo de cafeteira francesa que inspirou todas as cafeteiras modernas que temos hoje.

Afinal, O Que É A Prensa Francesa?

Também conhecida como cafetière, press pot ou coffee plunger, a prensa ou cafeteira francesa é um método bastante popular de se preparar café utilizando as técnicas de infusão e filtragem.

Ela é composta por um recipiente de vidro em forma de cilindro e um pistão ou êmbolo de metal ou aço inoxidável. Hoje em dia, como mencionamos ao descrever as cafeteiras francesas, o material mais comumente usado é o vidro borossilicato.

Na cafeteira, encontramos um filtro que costuma ser de aço inoxidável, tela de arame e pode até possuir molas ou outros sistemas para garantir que nada escapar de uma parte para a outra.

Com o preparo da cafeteira francesa, é possível obter uma fusão mais densa entre a água e o café moído (sem precisar de energia elétrica).

O contato direto com a água quente sem o a intermediação de filtros de papel ou de outros sistemas (como o de percolação) permitem que os óleos naturais do café cheguem até a sua xícara. O resultado é um café mais encorpado.

Isso é possível porque o filtro de metal, que é uma tela bem fina, não absorve o óleo do café (como o de papel faz), que então chega até sua xícara, deixando o sabor da bebida bastante interessante.

Em termos de sabor, o café preparado na cafeteira francesa é mais parecido com o café turco. Ambos os métodos de preparação usam o contato direto do pó de café com a água, por isso a semelhança.

Inclusive, é dito que a quantidade de óleos presentes no café extraído da prensa francesa é maior que no café expresso, por exemplo.

Assim, se você extrair o café na cafeteira francesa deve consumi-lo imediatamente, senão a tendência é que ele fique mais amargo.

Utilizar cafeteira Francesa Vale a Pena? Prós e Contras

Para te ajudar a definir pela opção ideal entre as melhores cafeteiras francesas, você pode utilizar os critérios abaixo:

Pontos positivos:

  • Não usa energia elétrica;
  • É fácil de utilizar;
  • Não necessita de filtros de papel;
  • Produz um café de sabor marcante, se utilizada adequadamente;
  • É eco-friendly.

Pontos negativos:

  • Tem que executar a técnica adequadamente;
  • Não se pode ter pressa;
  • Para um café ideal, é necessário usar grãos moídos na hora, na espessura correta (você vai precisar de um bom moedor de café);
  • Pós comerciais adquiridos em supermercado podem ter a espessura muito fina e não são muito adequados;
  • Não é para uma demanda grande de café na sequência;
  • O sabor final do café, em virtude dos óleos, pode não agradar a todos.

Como Fazer Café Na Prensa Francesa?

Fazer café na prensa francesa é bastante simples e rápido. Veja como usar.

1. Escalde o recipiente

O cilindro da cafeteira francesa não conserva o calor por muito tempo.

Assim, se você encher sua cafeteira francesa com água quente e depois descartá-la, o recipiente já ficará aquecido e seu café sairá melhor.

2. Escolha o pó de café

O ideal é usar pó ou grãos moído na hora, uma vez que a espessura da moagem influencia na qualidade, características e nuances da bebida. O pó mais espesso pode deixar o café mais encorpado.

Caso você for usar pó já prontos, então se atente à espessura: ele deve ter a espessura média-grossa, ou no mínimo semelhante à areia ou ao açúcar cristal.

Esteja atento também à proporção correta: são 10 g de pó para 200 mL de água.

3. Aqueça a água

O ideal é deixar a temperatura da água a 90 graus (ou seja, quase fervendo, mas ainda não fervendo de fato).

Não tem termômetro em casa? Tudo bem, deixe a água ferver e espere 40 segundos. Pronto, estará na temperatura certa.

4. Adicione a água e mexa

Adicione a água e deixe misturar com o pó. Use uma colher de plástico, para não riscar o interior da prensa.

A seguir, tampe a cafeteira francesa e aguarde cerca de 4 minutos. Mantenha a haste para cima. Não deixe passar mais de 4 minutos.

5. Empurre o êmbolo

A seguir, empurre o êmbolo da cafeteira francesa com delicadeza até que o pó seja todo prensado. O café a ser bebido aparecerá na parte de cima da cafeteira.

6. Sirva imediatamente

O ideal é assim que o café estiver pronto, servi-lo.

Isso porque se o café for deixado alguns minutos na cafeteira francesa, o sabor amargo será marcante e pode não agradar a todos.

Lavagem e higiene da cafeteira francesa

O vidro borossilicato é resistente a alta temperaturas, choques térmicos e abrasivos. Assim, a jarra pode ser levada ao lava louças em quase todas as ocasiões. Como as peças costumam ser feita em aço inox, o lava louças também não deve prejudicá-las.

Você notará como essa cafeteira é um dos tipos mais fácil de ser limpa, senão o mais fácil! Como o formato da jarra é muito regular, é fácil limpá-la com as próprias mão. As demais partes igualmente.

Conclusão

Espero que tenha ajudado você a escolher as melhores cafeteiras francesas para a sua cozinha! Lembre-se que todas estão disponíveis em lojas online!

Usar uma cafeteira francesa para extrair seu café pode ser um excelente ritual: basta você ter o equipamento adequado, o pó na espessura correta e fazer a técnica adequadamente.

Uma última dica é que se você vai comprar moído em lojas especializadas, pode pedir que o grão seja moído na espessura para cafeteira francesa, que é uma espessura maior.

Dessa forma, você consegue o café ideal para utilizar na sua prensa francesa!

De fato, certamente você obterá uma bebida de gosto marcante, que agrada vários paladares.

Basta você escolher uma das melhores prensas francesas para criar esse novo hábito na hora do café.

Apenas para Leitores do ReviewCafé

Nós como parceiros da Amazon criamos uma lista com diversas promoções de cafeteiras e acessórios para café. Veja agora!